​Renzo Massarani Cadeira n° 15
Patrono ​Carlos Gomes
Fundador Lorenzo Fernandez
     
1° Sucessor 2° Sucessor Acadêmico atual


Nasceu em Mantua, Itália, a 26 de março de 1898. Renzo Massarani realizou sua formação musical em Parma. Aos 20 anos se transferiu para Viena, onde estudou com Franz Schalk. Seguiu depois para Roma, onde ingressou na Academia de Santa Cecília e estudou com, entre outros, Ottorino Respighi. Assumiu o posto de regente do Teatro Dei Piccoli, de Milão, com o qual viajou por quatro anos em turnês pela Espanha, Suíça, Alemanha, México, Cuba, Porto Rico, República Dominicana e Venezuela.

Ao retornar a Roma assumiu a secretaria da Società italiana degli autori ed editori e do Sindicato Italiano dos Músicos. Na Itália iniciou também sua atividade de crítico, colaborando com os jornais L’Impero e Il Tevere.

Teve início promissor como compositor de teatro. Em 1921 sua ópera Noi due foi premiada no Concurso Mackormick. Em 1923 representou em Roma o intermezzo cômico Bianco e Nero, com libreto de A. Pagan. Em Darmstadt, na Alemanha, foi estreada em 1928 a ópera em um ato Guerino detto il Meschino, para a qual escreveu também o libreto, representada em Roma no ano seguinte no Théâtre de la Potinière di Parigi. Houve apresentações de suas óperas também em Venezia, Firenze, Torino e Bergamo.
Em 1939, com a Itália dominada pelo fascismo e com a eclosão da Segunda Guerra Mundial, se transferiu para o Brasil, fixando residência no Rio de Janeiro. Seu primeiro emprego foi o de orquestrador na Rádio Nacional. Como crítico assumiu inicialmente a coluna do jornal A Manhã, transferindo-se posteriormente para o Jornal do Brasil, onde permaneceu por décadas.

Naturalizou-se brasileiro em 1945 e foi membro da Associação Brasileira de Críticos Teatrais. Foi eleito para a Academia Brasileira de Música em 1950.

Após se transferir para o Brasil sua atividade como compositor decresceu substancialmente. Suas principais obras são do período europeu. Além das óperas citadas é autor de Introdução, Tema e Variações para orquestra, dois Quartetos (1920 e 1923) e várias canções. Sua Danza Atletica foi composta para os Jogos Olímpicos de Berlim, em 1936.

Faleceu em 28 de março de 1975.

Em 29 de março de 1998 teve obras suas executadas no Teatro delle Erbe de Milão, em comemoração a seu centenário de nascimento.
 
Rua da Lapa, 120/12º andar - Lapa - 20021-180 - Rio de Janeiro - RJ / Brasil
Telefones (55) (21) 2292-5845 / 2221-0277 / 2242-6693
Copyright 2015 - Academia Brasileira de Música - www.abmusica.com.br - Todos os Direitos Reservados