​Francisco Chiaffitelli Cadeira n° 27
Fundador Silvio Deolindo Froes
     
1° Sucessor 2° Sucessor 3° Sucessor Acadêmico atual


Violinista e compositor, Chiaffitelli nasceu em Campinas, São Paulo, em 15 de março de 1881. Iniciou seus estudos musicais e de violino com Simões Junior, e teve sua estreia como concertista aos nove anos de idade, no Teatro Novelli, de Juiz de Fora, Minas Gerais. Dois anos depois, seguiu para a Europa para prosseguir seus estudos, ingressando no Conservatório Real de Bruxelas, na classe de Eugène Isaye. Lá ganhou, em 1897, o primeiro prêmio de violino. Em 1899, concluiu o curso de harmonia, e em 1901, o de contraponto, recebendo um ano depois o primeiro prêmio de fuga na classe de Edgar Tinel.

Iniciou sua vida artística profissional, apresentando-se como solista e camerista, e organizando um trio que se apresentou na Sociedade Real, de Bruxelas. Excursionou pela Europa e América do Sul. Em 1911, foi nomeado professor catedrático do Instituto Nacional de Música, atual Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro, introduzindo ali a escola franco-belga de violino. Teve uma atuação importante nos meios musicais cariocas, criando, junto com a cantora Camila da Conceição, a Academia Brasileira de Música, instituição voltada para a promoção de concertos. Em 1945 cedeu o direito de uso do nome a Villa-Lobos para criar a atual Academia. Fundou também o Grêmio de Amigos da Música e o Centro de Cultura Musical. Foi membro do conselho técnico e administrativo da Escola de Música e diretor da Rádio Jornal do Brasil. Foi, ainda, presidente de honra da Escola de Música Santa Cecilia, de Petrópolis, Rio de Janeiro.

Compôs algumas obras para violino e canções e faleceu no Rio de Janeiro, em 28 de julho de 1954.
Rua da Lapa, 120/12º andar - Lapa - 20021-180 - Rio de Janeiro - RJ / Brasil
Telefones (55) (21) 2292-5845 / 2221-0277 / 2242-6693
Copyright 2015 - Academia Brasileira de Música - www.abmusica.com.br - Todos os Direitos Reservados